Estátua do Anjo Moróni colocada no Templo de Roma

Estátua do Anjo Moróni colocada no Templo de Roma

Comunicados da Imprensa

O Templo de Roma, Itália  actualmente em construção recebeu no sábado 25 de março uma estátua do anjo Moróni, um sinal de que o templo está progredindo para a sua conclusão.

A estátua folheada a ouro do tem mais de quatro metros de altura e foi colocada sobre a torre mais alta do templo de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em Roma, Itália.  

A estátua retrata o anjo Moróni a tocar uma trombeta, cujo simbolismo remete para a divulgação do evangelho e para a Segunda Vinda do Salvador. Moróni foi um profeta antigo do Livro de Mórmon, um livro de escritura usado lado a lado com a Bíblia pelos membros da Igreja. 

A colocação da estátua de 200 quilos de peso em fibra de vidro requereu uma grande precisão e habilidade ao ser levantada por um guindaste a mais de 50 metros acima do solo e, em seguida, suavemente descida, colocada e fixada pelos trabalhadores.

“Este é realmente um dia histórico e memorável”, disse o Elder Larry Wilson, diretor executivo do Departamento dos Templos da Igreja. “A cidade eterna é conhecida pela sua história, a sua beleza, e por ser um lugar de adoração e fé. Estamos muito satisfeitos por adicionar o nosso templo sagrado a esta tradição Cristã.”

Este templo, que é o primeiro templo da Igreja em Itália, integra um centro religioso e cultural de 60.705 metros quadrados que incluirá uma capela multifunções, um centro de visitantes, um centro de história da família e uma hospedaria para os visitantes. O exterior do templo é revestido de granito e possui vidros decorativos. Os acabamentos interiores são dos materiais e mão de obra mais refinados: mármore, madeira, gesso veneziano e pinturas decorativas. 

A construção deste edifício de três pisos, com 3700 metros quadrados, teve início a 23 de outubro de 2010, quando o Presidente Thomas S. Monson, juntamente com os líderes da Igreja e da comunidade local, participaram da tradicional cerimónia de abertura de solo. 

Quando o templo estiver concluído e antes da sua dedicação, o público será convidado para uma sessão de portas abertas onde poderá visitar o templo e todo o complexo em seu redor. O templo servirá mais de 23.000 membros da Igreja que vivem em Itália e nos países vizinhos. Existem atualmente 155 templos da Igreja em funcionamento pelo mundo, sendo que 12 se localizam na Europa.

   

“Hoje testemunhamos o progresso tangível que está a ser feito na construção do Templo de Roma”, disse o Elder Alessandro Dini Ciacci, Autoridade Setenta de Área. “Regozijamo-nos com este grande marco, conscientes de que, à medida que os trabalhadores derem o seu melhor para concluir a construção o mais rapidamente possível, devemos também nós trabalhar ao seu lado para terminar a nossa preparação espiritual e, deste modo, quando o templo for dedicado estaremos prontos para participar das ordenanças sagradas que lá serão realizadas”, acrescentou o Elder Dini Ciacci.

Os templos dos Santos dos Últimos Dias diferem das capelas onde os membros se reúnem para as reuniões dominicais. Os templos são considerados como sendo “A Casa do Senhor”, onde os ensinamentos de Jesus Cristo são reafirmados por meio do batismo, do casamento e de outras ordenanças que unem as famílias para a eternidade. No templo, os membros da Igreja aprendem mais sobre o propósito da vida e fortalecem o seu compromisso de servir Jesus Cristo e o seu próximo.

“Os templos são uma marca física da nossa convicção de que Jesus Cristo é o Salvador do mundo e que por meio da Sua Expiação podemos voltar a viver com Deus, nosso Pai Celestial”, disse o Elder Dini Ciacci.

Observação de Guia de Estilo:Em reportagens ou notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, por favor utilize o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome da Igreja, procure on-line pelo nosso Guia de Estilo.